Jean Wyllys (PSOL-RJ) cospe em Jair Bolsonaro (PSC-RJ) durante votação sobre impeachment
Play