clicRBS
Nova busca - outros
Autor: Rádio Gaúcha
15/08/2013 às 09:17

Tarso Genro diz que burocracia e velocidade das obras são o problema para a reestruturação das estradas estaduais. 15/08/2013

Enviar:Enviar:
Compartilhar:
twitter
Avaliar:starstarstarstarstar
views0comments0
Embed:

O governador Tarso Genro classificou como ruim a situação da rede rodoviária do Rio Grande do Sul. Em entrevista ao programa Atualidade, nesta quinta-feira (15), o governador disse que a região da Serra chama a atenção pela precariedade das estradas. Conforme Tarso, a burocracia e a falta de velocidade das obras são os grandes problemas do Estado para a reestruturação das rodovias. 

Segundo o governador, os recursos do Contrato de Restauração e Manutenção das Rodovias da Região da Serra, que compreende as ERS-324 e RSC-470; ERS-122 e RSC-453 foi assinado e os trabalhos já começaram. Tarso disse que as estradas que já estão sob administração da ERG estão sendo mantidas com a mesma qualidade que a administração anterior. Ainda em relação a estradas, o governador disse que até o final do ano que vem, devem ser concluídas as obras de melhorias da ERS-118, na região metropolitana. 

Tarso Genro também falou sobre o projeto da reestruturação da dívida dos Estados com a União, e criticou parte da bancada federal do PMDB. Na visão do governador gaúcho, o líder da bancada do PMDB na Câmara, deputado federal Eduardo Cunha, do Rio de Janeiro, é quem está impedindo que o projeto avanço do projeto. 

Procurada pela reportagem, a assessoria do deputado disse que o parlamentar não deve se pronunciar sobre o caso. 

Áudios Relacionados

Anterior
Próximo
Comentários

Deixe um comentário

(O comentário não pode exceder 500 caracteres)

Buscar:  

Envie seu arquivo