clicRBS
Nova busca - outros
Autor: Rádio Gaúcha
27/05/2013 às 09:24

Não há controle de peso nas estradas do Brasil, diz ministro Augusto Nardes. 27/05/2013 - 8h20

Enviar:Enviar:
Compartilhar:
twitter
Avaliar:starstarstarstarstar
views0comments0
Embed:

A carência no controle de peso nas estradas brasileiras compromete a qualidade das rodovias. O alerta foi feito pelo presidente do Tribunal de Contas da União, ministro Augusto Nardes. Em entrevista ao Gaúcha Atualidade, o ministro disse que embora o trabalho de fiscalização da qualidade seja de competência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o TCU também atua nessa frente. O Tribunal possui um equipamento capaz de verificar se o estado das rodovias é adequado. O grande problema, no entanto, é a falta de balanças para monitorar se o limite de peso dos veículos é respeitado. O ministro Augusto Nardes estima que o país tenha cerca de 40 balanças, quando o indicado seriam 250.

- O grande gargalo das estradas brasileiras é a falta de balanças. Temos 55 mil quilômetros de estradas. O que vemos é que de seis meses a um ano após a construção elas já estão esburacadas, porque não existe controle de peso.

De acordo com o presidente do TCU, o Tribunal não tem condições de fiscalizar a execução de todas as obras do país. Somente pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), são 3.700 obras.

- Podemos fiscalizar parte disso, procuramos pegar as grandes obras. O Tribunal não tem capacidade, nem estrutura pra fiscalizar tudo isso.

Áudios Relacionados

Anterior
Próximo
Comentários

Deixe um comentário

(O comentário não pode exceder 500 caracteres)

Buscar:  

Envie seu arquivo