clicRBS
Nova busca - outros
Autor: Rádio Gaúcha
15/05/2013 às 08:41

Câmara dos Deputados suspende votação da Medida Provisória dos Portos e corre contra o tempo. 15/05/2013

Enviar:Enviar:
Compartilhar:
twitter
Avaliar:starstarstarstarstar
views0comments0
Embed:

O Plenário da Câmara dos Deputados encerrou sessão às 5h da manhã de hoje, sem concluir a votação de emendas da Medida Provisória dos Portos. O texto base foi aprovado. A sessão durou 18 horas e foi cheia de polêmica. O presidente da Câmara, Henrique Alves, convocou sessão extraordinária para 11h da manhã de hoje, a fim de concluir a votação das emendas. Depois, o texto ainda precisa passar pelo Senado. A medida provisória dos portos perde a validade se não for aprovada até amanhã. O texto estabelece novas regras para as concessões, arrendamentos e autorizações de instalações portuárias, públicas ou privadas. 

Em entrevista ao Gaúcha Atualidade, o superintendente do Porto do Rio Grande, Dirceu Silva Lopes, comentou os efeitos da aprovação da Medida Provisória dos Portos ou da perda da validade em caso de não ser votada até amanhã. Dirceu defende que a modernização do setor por meio de políticas portuárias é imprescindível para a competitividade dos produtos nacionais e o projeto de desenvolvimento do país. Com a safra recorde e para diminuir congestionamentos, o porto de Rio Grande adotou o agendamento prévio de descarga. A estimativa no estado do Rio Grande do Sul é de 13 milhões de toneladas nesta safra de soja, sendo que pelo porto gaúcho devem ser escoadas 9 milhões de toneladas. 

Áudios Relacionados

Anterior
Próximo
Comentários

Deixe um comentário

(O comentário não pode exceder 500 caracteres)

Buscar:  

Envie seu arquivo