clicRBS
Nova busca - outros
Autor: Rádio Gaúcha
26/02/2013 às 11:20

Bebês de viciadas em crack exigem cuidados especiais nos abrigos. 26/02/2013 - 11h18

Enviar:Enviar:
Compartilhar:
twitter
Avaliar:starstarstarstarstar
views0comments0
Embed:

As duas fundações que fazem acolhimento de crianças em Porto Alegre sofrem o impacto do crack. Nos últimos anos, cresce o número de abrigados, principalmente bebês. O vício das mães está por trás de quase todos os casos. Em torno de 100 crianças de até dois anos estão acolhidas na Fundação de Assistência Social e Cidadania (FASC) e Fundação de Proteção Especial do Rio Grande do Sul. A assistente social da Fundação de Proteção Especial do Rio Grande do Sul, Suzana Richter, revela que é cada vez mais comum o abandono ainda no hospital. Depois, as mães não são mais localizadas. Reportagem de Leandro Staudt.

Áudios Relacionados

Anterior
Próximo
Comentários

Deixe um comentário

(O comentário não pode exceder 500 caracteres)

Buscar:  

Envie seu arquivo