clicRBS
Nova busca - outros
Autor: Rádio Gaúcha
14/11/2012 às 08:58

Ranolfo Vieira Júnior descarta reflexo de atentados em Santa Catarina no Rio Grande do Sul. 14/11/2012 - 8h19

Enviar:Enviar:
Compartilhar:
twitter
Avaliar:starstarstarstarstar
views0comments0
Embed:

Além de São Paulo, Santa Catarina vem enfrentando uma série de atentados. Esta é a segunda noite que Florianópolis, Navegantes, Criciúma e Blumenau amanhecem com ônibus incendiados. Em Iatajaí, um carro da polícia foi queimado. De acordo com os participantes, a manifestação é uma resposta à violência contra presos em cadeias do Estado. Em entrevista ao programa Gaúcha Atualidade, o chefe da Polícia Civil do Rio Grande do Sul disse que os ataques são comuns no País. - Infelizmente, estes episódios ocorrem no Brasil de forma recorrente já há mais de uma década - recordou. Na tentativa de tranquilizar a população do Rio Grande do Sul e dispersar a sensação de insegurança que pode vir a pairar com os acontecimentos no estado vizinho, Ranolfo Vieira Júnior afirmou que a polícia gaúcha está atenta a todos os movimentos a fim de evitar reflexos semelhantes no Estado. - Nós temos mantido um contato, sempre quando ocorre fatos dessa natureza, com as polícias envolvidas. Acredito que o Rio Grande do Sul não venha a sofrer com ataques dessa natureza - contou.

Áudios Relacionados

Anterior
Próximo
Comentários

Deixe um comentário

(O comentário não pode exceder 500 caracteres)

Buscar:  

Envie seu arquivo